top of page
  • Writer's pictureFil Festival

Rastapezinho: Uma brincadeira sem fim.

Por Lourenço Cavanellas

O Rastapezinho uniu na celebração pelo Dia das Crianças o que há de mais bonito na infância: a alegria, a brincadeira, descobertas.


Guiadas pela voz de Marcela Terry, bebês e crianças de várias idades participaram ativamente de atividades ao som de diversos instrumentos, criando um ambiente feliz e acolhedor. Além delas, os grandes também tiveram a oportunidade de lembrar o passado e se juntar às emoções de seus pequenos. Pais, tios, e avós voltaram no tempo durante alguns minutos.


O Cirandinhas Bebês e Cia tem como objetivo que os bebês sejam, de fato, os artistas. Para facilitar esse protagonismo, trazem objetos e brinquedos estimulando o tato e a interação entre eles. Em certo momento, pais e filhos se unem e vivem situações de pura diversão. A alegria da música trouxe a leveza da infância, e contagiou todos os presentes no Salão Nobre do Parque Lage.


Aquela energia tão boa se espalhou pelo salão e por todo o ambiente do parque, trazendo a pureza das crianças à tona, além de proporcionar a ludicidade e criatividade que estão diretamente relacionadas com o tema do 20° FIL, a Cosmogonia das Infâncias. Que o FIL também se renove em edições sem fim!

Crianças brincam ao som do Rastapezinho. Acervo pessoal.

11 views0 comments

Recent Posts

See All

コメント


bottom of page